IAB 57 anos, uma festa em família!

30 de abril. IAB 57 anos. Uma festa em família!

Com uma comemoração modesta, mas permeada de diálogos sinceros e muitos risos, foram comemorados os 57 anos de fundação do IAB.

Um delicioso café da manhã com todos juntos já dava o tom da intimidade e, na abertura dos trabalhos, a diversão foi encher bexigas para enfeitar a festa de aniversário e distribuir aos passantes. Dentro de desenhos de coração as mensagens de carinho de cada um, com desejos de muitos anos de vida, enfeitaram os ambientes de maneira singela.

Na roda de conversa, antes e durante o almoço, uma radiografia do que foi o Projeto Pesquisador Curumim que encerrava temporariamente (em razão do fim do contrato de patrocínio da Caixa Cultural). A cada um foi dada a palavra começando pelos próprios pesquisadores (jovens aprendizes) para que se manifestassem a respeito do que havia sido a experiência e o que cada um levava e o que deixava como contribuição do processo.

Foi bastante interessante ouvir aquelas meninas e meninos, entre 15 e 18 anos. A eleição por eles mesmos de quem havia efetuado o pior e o melhor desempenho e, portanto, em quem votaria para, se houvesse uma oportunidade, continuar na área da arqueologia. Um belo exercício de expressão da percepção individual e simultaneamente coletiva de mais de mil horas de aprendizado. E o destaque entre todas as falas foi a do notável crescimento pessoal em diversos setores de suas próprias personalidades, percebido pelos próprios, pelos, segundo eles, familiares e pela própria equipe do IAB.

Salgadinhos e a tradicional torta de aniversário deixou, ao final, um gostinho doce de quero mais. E virão muitos outros e com muitos outros.

Feliz aniversário Instituto de Arqueologia Brasileira-IAB!

     

Texto: Antonia Neto

Fotos: Diego Lacerda

Belford Roxo, 07 de maio de 2018.

 

30 de abril. IAB 57 anos. Uma festa em família!

Com uma comemoração modesta, mas permeada de diálogos sinceros e muitos risos, foram comemorados os 57 anos de fundação do IAB.

Um delicioso café da manhã com todos juntos já dava o tom da intimidade e, na abertura dos trabalhos, a diversão foi encher bexigas para enfeitar a festa de aniversário e distribuir aos passantes. Dentro de desenhos de coração as mensagens de carinho de cada um, com desejos de muitos anos de vida, enfeitaram os ambientes de maneira singela.

Na roda de conversa, antes e durante o almoço, uma radiografia do que foi o Projeto Pesquisador Curumim que encerrava temporariamente (em razão do fim do contrato de patrocínio da Caixa Cultural). A cada um foi dada a palavra começando pelos próprios pesquisadores (jovens aprendizes) para que se manifestassem a respeito do que havia sido a experiência e o que cada um levava e o que deixava como contribuição do processo.

Foi bastante interessante ouvir aquelas meninas e meninos, entre 15 e 18 anos. A eleição por eles mesmos de quem havia efetuado o pior e o melhor desempenho e, portanto, em quem votaria para, se houvesse uma oportunidade, continuar na área da arqueologia. Um belo exercício de expressão da percepção individual e simultaneamente coletiva de mais de mil horas de aprendizado. E o destaque entre todas as falas foi a do notável crescimento pessoal em diversos setores de suas próprias personalidades, percebido pelos próprios, pelos, segundo eles, familiares e pela própria equipe do IAB.

Salgadinhos e a tradicional torta de aniversário deixou, ao final, um gostinho doce de quero mais. E virão muitos outros e com muitos outros.

Feliz aniversário Instituto de Arqueologia Brasileira-IAB!

     

Texto: Antonia Neto

Fotos: Diego Lacerda

Belford Roxo, 07 de maio de 2018.

 

Posts Relacionados