Um Cemitério de Escravos em São Francisco do Itabapoana - Contribuições do Instituto de Arqueologia Brasileira-IAB

Entre as comemorações do Dia da Consciência Negra do ano corrente, 2021, foram divulgadas notícias, em vídeo, em dois veículos da mídia virtual, sobre um cemitério de escravos encontrado em São Francisco de Itabapoana no Rio de Janeiro, que merecem nossos comentários.

R$30,00

Descrição

Entre as comemorações do dia da Consciência Negra, do ano de 2021, foram divulgadas notícias, em vídeo, em dois veículos da mídia virtual, sobre um cemitério de escravos encontrado em São Francisco de Itabapoana no Rio de Janeiro, que merecem nossos comentários.

No primeiro, um blog do senhor Paulo Noel1 torna-se necessário fazer alguns reparos, enquanto que para o segundo, assinado por Sheyla Mendonça e Flávio Gomes, postado no Youtube,2 é justo destacar a qualidade da sua organização e do seu conteúdo, assim como a importância dos dados divulgados. E, para ambos, contribuir com elementos ainda inéditos relativos ao mesmo tema e resultantes das pesquisas empreendidas pelo IAB
naquele município e, inclusive, no mesmo sítio.

No primeiro caso parece que o intuito tenha sido simplesmente o de divulgar a existência do Sítio Arqueológico da Praia de Manguinhos, destacando o fato de se tratar de um cemitério de escravos. O texto do vídeo é muito simples, analisa de uma maneira geral as descobertas, mas apresenta não somente inexatidões importantes, como em nenhum momento seu autor cita os responsáveis, seja pela descoberta, seja pelos trabalhos
arqueológicos desenvolvidos no mesmo.

Este artigo propõe-se a trazer todos os fatos conhecidos pelo seu autor, como pesquisador do IAB, ilustrados com fotos dos esqueletos no sítio.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Um Cemitério de Escravos em São Francisco do Itabapoana – Contribuições do Instituto de Arqueologia Brasileira-IAB”